CAOS: Macau tem um prefeito que enganou mais de 9 mil eleitores.



"Muito prometer é uma maneira de enganar"
Provérbio

O proverbio se encaixa bem na campanha do ano de 2016 do prefeito eleito Túlio Lemos onde em suas faláceas pelos quatro cantos de Macau pregou a mentira para poder chegar e sentar novamente na cadeira de prefeito.

Túlio levou a melhor em cima do seu maior adversário político, o médico José Antônio Menezes e seu vice Coronel Fernandes.  Macau, desde então, acreditou firmemente em suas propostas mirabolantes, mas a carência do povo naquele momento era de se compreender.

Tulio contava em suas lúdicas falações que iria trazer empresas pra Macau, modernizar a estrutura física de prédios público, que ia desafogar a prefeitura, acabar com a corrupção que foi instalada em Macau nos governos passados e que seu governo seria promisso.

Ele usou uma frase muito dita hoje tanto pelos seus adversários, como para as pessoas que ele enganou: "Dinheiro tem, falta gestão", uma frase tão marcante que virou o maior alvo de críticas de um prefeito que pede "arrego" diariamente por ter conseguido administrar os mais de R$ 58 MILHÕES de reais que entraram nos cofres da prefeito em 2017.

Mas o chicote do "útilmo tetéo" não chegou nem a "relar" nas pessoas que fizeram oposição a sua candidatura. O grupo que apoiou Tulio Lemos foi o mais prejudicado com a sua posse a partir de janeiro de 2017. Os que aplaudiram, os que zombaram, os que sorriam de quem perdeu foram os primeiro a provar da vingança maligna do prefeito por erem deixado sua família de "molho do poder" por mais de 20 anos.

Hoje, a maior oposição ao governo do prefeito são seus antigos aliados. Perdeu o vice-prefeito, perdeu o presidente da câmara e perdeu alguns vereadores que eram de sua base aliada, mas principalmente perdeu o apoio mais importante, DO POVO MACAUENSE.

Nenhum comentário

Siga nossas redes

Tecnologia do Blogger.