Macau, a nova “Sucupira” nas tardes das novelas da rede globo. Conheça a história!


Da ficção para a realidade. A história fictícia da novela " O BEM AMADO", criada pelo autor Dias Gomes no ano de 1973 que retrata a história de Sucupira, cidade essa onde acontecem coisas mirabolantes e engraçadas ao mesmo tempo.

Baseada nessa história de amor e ódio, que vamos fazer uma pequena comparação com a Macau dos dias atuais. O PREFEITO Odorico Paraguaçu no qual vivia rodeado  de bajuladores e contava com o apoio de suas correligionárias e defensoras, sendo uma delas a líder da CÂMARA MUNICIPAL, a velha DOROTÉIA, tinha um único propósito como plano principal de governo, inaugurar o cemitério da cidade.

Do outro lado temos a oposição FERRENHA, liderada pela delegada de polícia DONANA MEDRADO, que conta com o dentista LULU GOUVEIA, inimigo mortal do prefeito e do líder da câmara municipal.

Não podemos esquecer os JORNALISTAS NECO PEDREIRA que era DEFENSOR FERVOSO do prefeito Odorico quando estava sóbrio, mas quando não estava atacava ele de todas as formas.

O prefeito armava tramas e a qualquer custo queria inaugurar o seu cemitério nem que pra isso precisasse matar (não que em Macau aconteça a mesma coisa).

Moral da história

As coincidências dos personagens aqui apresentados parecem muito com alguns  outros personagens da política macauense dos dias atuais. O ruim de toda essa trama fantasiosa é que no fim, o povo sofre, o prefeito morre e com isso, só dessa forma, seu cemitério consegue ser inaugurado.

Nenhum comentário

Siga nossas redes

Tecnologia do Blogger.